Compartilhar, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Posted in:

Socorro! Como Lidar com a Sogra? 7 Dicas de Sobrevivência!

Você sabe como lidar com a sogra? 

É muito comum ouvirmos opiniões de diversas pessoas que concordam que a convivência com a sogra costuma ser complicada.

No entanto, isso não é uma regra, e também, não podemos considerar que, pelo simples fato de ela ser a mãe do seu parceiro, ela é uma pessoa que não gosta de você.

Porém, é fato que, de alguma forma, essa convivência costuma ser um pouco difícil. O que a maioria dos casos leva a crer, é que essa dificuldade acontece devido ao ciúmes que a sogra pode ter do filho, o que acaba causando uma certa disputa entre a mãe e a companheira.

Este sentimento pode ser devido ao medo da perda. Muitas mães acham que o filho a amará menos por ter se casado… Ou que não terão mais o mesmo convívio.

De certo, muitas coisas irão mudar. Mas o sentimento que ele sente por ela, não. E fazê-la compreender isso é dever do filho, através de gestos de amor, carinho e muito diálogo.

Mas temos que levar em consideração que muitas noras também não facilitam.

Entram em uma disputa infundada de atenção e, a falta de maturidade dos dois lados (nora e sogra), pode deixar a vida familiar um verdadeiro transtorno.

Esse tipo de comportamento costuma ser mais comum inclusive com sogras e noras do que com sogras e genros.

 

Por isso, trouxe sete dicas sobre como lidar com a sogra, e tentar melhorar o relacionamento o máximo possível.

Siga essas dicas e depois deixe seus comentários e sugestões. Estou na torcida!

Saiba Como Lidar com a Sogra – 7 Passo para Conviver em Paz

Como muita vezes o relacionamento entre nora e sogra costuma ser difícil, ou no mínimo frio, é muito importante tentar reverter essa situação, pelo simples fato de que vocês fazem ou farão parte da mesma família.

Logo, o convívio tende a ser constante, e por isso, é importante que seja agradável.

Caso contrário, a situação pode acabar, inclusive, refletindo no seu relacionamento com o seu marido.

Então, é importante que você faça a sua parte e se esforce para que haja paz com a sua sogra.

No entanto, alguns itens são fundamentais para facilitar esse processo, conforme listamos aqui algumas dicas para te dar uma força sobre como lidar com a sogra!

#1 Procure Entender sua Sogra

Dia desses uma amiga me ligou dizendo que sua sogra a chamou de “gorda”. Além de indelicada, essa sogra não teve discernimento. Me perguntou o que ela deveria fazer, pois estava em choque.

Bom, refleti o que eu faria no lugar dela. Uma boa conversa dizendo que estaria incomodada é o caminho. Ou fazer a egípcia (indiferença)? Tudo dependeria do tanto que o comentário houvesse me incomodado.

Acredite: por mais que algumas coisas que ela faça ou diga possam ser extremamente irritantes e desagradáveis para você, ela não faz por mal (bom, pelo menos não deveria…).

Essas atitudes provavelmente são por ciúmes, devido ao sentimento de que agora uma outra mulher terá papel fundamental na vida do filho dela, e não mais somente ela.

Por mais que esse sentimento pareça bobeira, acredito que todas as mulheres o entenderão ao se tornarem mães.

E mesmo se ela fizer ou disser coisas ruins de propósito, provavelmente o motivo é o mesmo.

Por isso, é preciso tempo. Tempo para que ela perceba que na verdade você não roubou o filho dela, mas sim é uma pessoa que quer fazê-lo feliz.

Com tempo, dedicação e paciência, você tem tudo para conquistá-la e tornar o relacionamento de vocês muito bom.

Então, minha sugestão, é não retrucar as ofensas. Respire fundo. Não responda de forma mal educada. Releve os cometários não construtivos.

Se algo realmente a incomodar ou passar dos limites, saia do ambiente ou conversar sobre o assunto em outro momento, com paciência e gentileza.

como lidar com a sogra possessiva

#2 Defina seus Limites

Se a sua sogra for do tipo que não entendeu que agora você e o filho dela são uma família nova, e ela vive interferindo em tudo, você precisa pôr limites.

Pois, nesse caso, por mais que o motivo seja o mesmo (ciúmes e resistência à ideia de “perder” o filho para outra), se nada for feito para que ela pare de interferir, a tendência é que você fique cada vez mais irritada e o relacionamento de vocês cada vez pior.

Por isso, antes de mais nada converse com o seu marido e explique o seu ponto de vista. Diga que agora as decisões precisam ser tomadas entre vocês dois, pois, vocês estão iniciando uma nova família.

Depois, converse com a sua sogra. Escolha uma boa oportunidade e ocasião, e explique para ela até onde ela tem liberdade para interferir na vida de vocês.

Explique com a maior educação, gentileza e calma possíveis, e independentemente do que ela diga, não revide. Mantenha a calma e seja firme. Explique que a opinião dela é bem-vinda, mas as decisões são de vocês.

Definir os limites da sua sogra o quanto antes, pode ser importante principalmente para quando vocês tiverem filhos.

Se ela é uma pessoa que interfere demais no seu casamento, e isso incomoda você, imagina como será então com a educação e cuidados dos seus filhos?

Por isso, é bom já deixar claro até onde ela pode ir, para que vocês não iniciem um verdadeiro pé de guerra, e fique realmente difícil manter um bom relacionamento.

#3 Estimule a Relação

Seja lá o que já tenha ocorrido de ruim entre vocês, se esforce para relevar e busque um bom relacionamento com a sua sogra.

Educação é o mínimo que você tem que ter. Mas tente uma amizade entre vocês (sem forçar a barra).

Convide-a para sair só com você, presenteie-a com mimos repentinos, faça a sobremesa que ela gosta e peça a opinião dela em algumas coisas.

Essas atitudes farão com que ela se sinta mais próxima à você, e o relacionamento de vocês tenderá a ficar cada vez mais íntimo e agradável.

Além disso, se por acaso o relacionamento de vocês for complicado porque a sua sogra não quer amizade com você, essas atitudes suas quebrarão o gelo, e farão com que ela passe a aceitar a sua amizade ou pelo menos tratá-la melhor. Seja o lado leve da balança.

E digo mais, conhecer melhor sua sogra fará com que você perceba características do seu marido que foram desenvolvidas devido à criação. Assim, quem sabe, você não consegue melhor compreendê-lo no dia a dia?

como lidar com a sogra

#4 Seja Tolerante

Por mais que às vezes nós sejamos obrigadas a ouvir coisas das quais realmente não gostamos, ou mesmo ver situações que não aprovamos, é importante contar até 10 (ou até 1000, se for o caso), respirar fundo e fazer de conta que não foi nada.

A tolerância é fundamental para que não apenas o relacionamento com a sua sogra, mas qualquer outro, dê certo. Digo isso o tempo inteiro no post sobre casamento feliz e duradouro.

Portanto, por mais que às vezes possa parecer realmente insustentável tolerar alguma coisa, se esforce e pelo bem do seu relacionamento faça isso.

Vale lembrar, no entanto, que algumas situações mais drásticas, como alguma coisa que ela faça para realmente atrapalhar o seu casamento, precisa ser discutida entre você e seu marido, para que juntos, decidam como irão tratar a situação.

Isso porque se você apenas tolerar e agir como se nada tivesse acontecido, nesses casos, pode fazer com que situações ainda mais difíceis aconteçam, e o seu casamento possa realmente ser impactado. É uma forma de como lidar com a sogra.

#5 Tome Cuidado com as Palavras

Independente do momento e do assunto que você for conversar com a sua sogra (aliás, isso é válido para qualquer conversa e com qualquer pessoa), tome cuidado com as palavras que você utilizará.

Pois, se ela já está na defensiva com você de alguma forma, há grandes chances de que o que você disser seja distorcido e interpretado da pior maneira possível.

Sem contar, que dependendo do quanto o relacionamento de vocês duas já esteja complicado, pode ser ainda, que ela use isso contra você para dizer ao filho dela o quanto você não gosta dela, não a tolera, ou não faz questão da amizade entre vocês.

Por isso, seja cuidadosa e escolha sempre as palavras certas. É uma forma de como lidar com a sogra.

Caso você diga alguma coisa que você deduz que pode ser mal interpretada, o quanto antes já deixe a situação clara e explique a sua real intenção, inclusive para o seu marido. Pois, isso evitará qualquer desentendimento posterior.

#6 Fuja de Situações Delicadas

Caso a sua sogra peça a sua opinião sobre alguma situação que não está diretamente relacionada a você, e que por ventura, possa causar alguma situação complicada, disfarce e evite se envolver no assunto.

Da mesma forma, evite que chegue até ela qualquer desentendimento que você possa ter com seu marido.

Ou seja, evite se envolver em qualquer situação delicada junto com ela, ou mesmo sem ela, mas que possa causar algum uma situação que te comprometa depois.

Um exemplo de situação delicada é deixar de ir na casa da sua sogra, devido você não se dar bem com ela. Por mais que isso possa parecer uma solução a curto prazo, na verdade isso desgastará ainda mais o relacionamento de vocês, reforçará os pensamentos ruins dela em relação a você, e poderá chatear também o seu marido; além de muitas outras coisas.

Outro exemplo é o de uma amiga próxima. Sua sogra convidava a ex-namorada do filho para visitá-la e justamente em horários estratégicos para que o casal a encontrasse. Uma falta de respeito sem tamanho, não é? Mas minha amiga diva, sabendo disso, mudou os horários de visita à sogra e passou a ir com o marido em horários surpresas. Foi a forma que ela encontrou de não entrar em conflito com a sogra. Ela soube como lidar com a sogra sem se estressar.

#7 Lembre-se: Ela Sempre Será a Mãe Dele

Vale lembrar, no entanto, que independente do quanto o relacionamento de vocês já seja bom ou fique bom, após você seguir essas dicas; é importante nunca esquecer que ela sempre será a mãe do seu marido. Sempre. 

Ele pode até trocar de esposa, mas de mãe não tem jeito. Então, o lado frágil é você. Não bata de frente com sua sogra. Respeite, respire e até, quem sabe, ame! 🙂

Mas lembre-se que por mais que ela seja legal e que você confie nela, não tenha dúvidas de que diante de uma situação delicada, por mais que ela seja justa e que você perceba isso, ela ficará do lado do filho dela, provavelmente.

Além disso, evite falar sobre desentendimentos com seu marido, para ela. Por ela ser mãe, a tendência é que ela não goste que você critique ele, e isso pode causar algum desconforto entre vocês.

Nesse caso, mantenha-se neutra e evite comentar sobre o relacionamento de vocês.

como lidar com a sogra ciumenta

Conclusão: Como Lidar com a Sogra com Paciência e Tolerância

Como lidar com a sogra? Se você estiver realmente disposta a investir em uma tentativa de ficar numa boa com a sua sogra, tudo dará certo. Claro que se ela estiver decidida a rivalizar com você, as suas tentativas serão em vão.

Mas ainda assim, será muito positivo para você, pois, você terá se esforçado e feito a sua parte. Isso é muito bom, até mesmo para que o seu marido veja que você tentou, e que o problema não é com você.

Mas, se você realmente conseguir fazer a diferença e melhorar o seu relacionamento com ela, a partir das nossas dicas e sugestões sobre como lidar com a sogra, não se esqueça de deixar seus comentários aqui!

Conte-nos como foi a sua experiência.

Além disso, deixe seus comentários e sugestões a respeito das dicas! Sua opinião é muito importante para o blog!

Beijo grande,

Blog Casadas Esposas Online Ticinha Medeiros

Ticinha Medeiros

Escrito por Ticinha Medeiros

Mineira, natural de Belo Horizonte, pisciana e casada desde 2013. Adora tudo que é relacionado à casa, ao marido e à família. Esforçada e dedicada, busca conhecimento constante sobre culinária, DIY, relacionamento, decoração, como receber em casa, festas e dicas para facilitar a vida de casada.

Blogueira Profissional, fundadora do Portal Esposas Online.

138 posts

2 Comentários

Comentário e Respostas
  1. Essas dicas já usava antes de descobrir o site e acredite, nada funcionou.
    Para minha sogra, sou um qualquer, um amigo, uma visita que ficou… enfim, sou tudo, menos companheiro do filho dela. Houve um ano em que brigamos feio, falou coisa que não devia, ficou me provocando ao ponto de eu estourar e falar tudo o que estava preso por anos, falei, falei toda a verdade, tudo o que tinha para falar. Me doeu muito, mas foi necessário, pedi desculpa, mas disse que tudo era a verdade e que não iria retirar nada. Ela deu uma acalmada, foi passar um tempo com a filha dela, e agora voltou, e tá do mesmo jeito, ela não aceita o nosso relacionamento, reclama de tudo, faz tudo do jeito dela, toma de conta da cozinha, quer saber de tudo, muito intrusiva e isso me irrita, não fazemos mais nada juntos, um jantar, um almoço ou um lanche, se faço comida, ela não come, diz que não gosta do que eu faço(P.S: Eu detesto o tempero dela, não tem sabor), então ela dá uma de carente, de injustiçada e faz a própria comida, mas a comida do filho ela come, e o engraçado é que é igualzinha a minha. Gostaria muito de entendê-la ou se faz isso só para eu deixar o filho dela, mas não entendo.
    Ela gosta muito de crochê, aprendi a fazer crochê para ajuda-la, para passar mais tempo com ela, me dar bem com ela, mas até nisso ela me critica. Na cabeça dela, pensa que quero o dinheiro do filho dela, já que ele é empresário, disse na minha cara que a quero longe para poder fazer o que quiser com filho dela, me chamou de interesseiro, de cobrinha… só esperando para dar o bote.
    Hoje, eu estou mais zen, mais sensato, como qualquer coisa, as vezes como o que ela faz, só para agradar o filho dela, porque realmente a comida não tem muito sabor, nem aos fins de semana podemos fazer nossa comida juntos como antes, pois ela é adventista, no sábado não faz nada, mas já deixa a comida pronta na sexta para comer no sábado, e no domingo, fazemos faxina em casa, e ela já vai logo tomando conta da cozinha… e ainda fala, faço a comida rapidinho!
    P.S². Faz tudo na panela de pressão, e ainda consegue queimar o arroz, comida não tem muito sabor… enfim, só queria poder preparar uma comida como antes para meu companheiro.
    P.S³. E ontem, ao chegar da academia, morto de cansado, ainda tive que ouvir…. faz algo pra tu comer aí, que eu me viro e faço alguma coisa para mim e meu filho comer(não vou citar nomes).
    Isso me deixou muito chateado, mas me contive e fingi que não era comigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *